segunda-feira , 23 setembro 2019

BICHO PREGUIÇA ALBINO É VISTO NA ZONA RURAL DE SENA MADUREIRA

_DSC0520A  equipe portal ACPURUS  se deslocava no ultimo fim de semana, para a cobertura de uma formatura do EJA e ASAS da FlORESTANÌA na escola Joaquim de Matos no ramal toco preto aproximadamente 50 km de Sena Madureira, quando foi surpreendido por um bicho preguiça que estava atravessando a estrada de barro por volta das 20:00 horas.  Admirados com a cor do animal, quase que totalmente branco, aparentando ser ALBINO, a nossa equipe parou para observar de perto a beleza do animal de hábitos noturnos e fazer alguns registros fotográficos em decorrência da cor branca do animal que se diferencia dos demais bichos preguiça , já esse é raro se  ver em nossa região. Lentamente o bicho preguiça entrou no mato e provavelmente como é de costume, foi se refugiar em alguma árvore e evitar o perigo de ser atacado por algum predador.

_DSC0516O bicho-preguiça é um mamífero com hábitos de vida noturnos, aonde pode ser encontrado em florestas tropicais da América do Sul, América Central e Mata Atlântica. Ele vive em pequenos grupos, embora possuam vários hábitos solitários, possui grandes garras, utilizando-as para subir e permanecer na copa de árvores de grande porte.

Sua alimentação baseia-se em folhas, raízes, brotos de algumas espécies de árvores e frutos. Dorme aproximadamente 14 horas por dia, pendurado nas árvores, é um animal saudável costuma viver entre 30 e 40 anos. Descem do topo das árvores apenas uma vez por semana com o objetivo de fazer suas necessidades fisiológicas.

Existem várias espécies, divididas em duas famílias: Bradypodidae (possuem três dedos em cada braço) e Megalonychidae (dois dedos).

Esta espécie animal orienta-se principalmente pelo olfato, pois seu sistema visual não é muito desenvolvido.


CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS
:

Cor: cinza claro com machas pretas, marron ou branca

Peso: em média de 4 a 6 kg

Comprimento: aproximadamente 70 cm (contando a cauda)

Gestação: 120 a 180 dias

Fonte Wikipédia

 

Deixe uma resposta