sexta-feira , 21 setembro 2018

Colono vitima de afogamento pode ter sido por uma descarga elétrica diz família.

bombeiro 5 (Copy)O corpo do colono Nazildo Silva de Oliveira, de 36 anos de idade, que estava desaparecido desde domingo nas águas do rio Purus no seringal Santo Apolônio próximo ao município de Sena Maduriera, foi resgado na manhã de segunda-feira (09) por uma equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros do município.

20180409_115804 (Copy)Segundo informações, o mesmo saiu de sua casa  por volta das 18 horas do último domingo (8), para analisar uma bomba usada para captar a água do rio para sua residência, e em decorrência da demora, familiares foram até o local e ao chegar não encontraram o mesmo, começando assim uma grande busca pelo rio. Após não terem êxito, a família assinou o Corpo de Bombeiros que o encontraram sem vida no rio Purus.

20180409_115316 (Copy)Os familiares falaram que Nazildo pode ter levado um choque ao analisar o mergulhão, que puxava água para sua residência, o que pode ter ocasionou sua morte, ou então ter dito um problema em sua pressão arterial e desmaiado, haja vista que o mesmo era hipertenso, e com isto caiu no rio e não conseguiu sair. Estas hipóteses só serão reveladas após o exame cadavérico, se a causa da morte foi uma dessas causas ou de outras, onde o mesmo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) em Rio Branco para ser feito todos os procedimentos. O Corpo do mesmo será transladado para Sena Madureira ainda na manhã desta terça-feira,  e será  entregue aos familiares para o velório e sepultamento.

20180409_115542 (Copy) bombeiro 3 (Copy) bombeiro 5 (Copy) 20180409_115542 (Copy)

 

Deixe uma resposta